Trabalhar bem o chocolate tem de ter os seus próprios segredos, sendo, antes de mais, uma arte, que consegue abrir portas ao mais puro e requintado prazer, no incrível momento em que se começa a trincar na boca algo capaz de nos fazer viciar!

E foram estas, entre outras questões, que me trouxeram até aqui, ao mais recente espaço Com Cheiro a Chocolate, com a assinatura de Ana Sousa e Silva, mais precisamente, passo a citar, na Rua Ernesto Veiga de Oliveira, em Oeiras.
Meus caros leitores, sejam, portanto, muito bem-vindos ao verdadeiro mundo do chocolate na companhia da própria Ana Sousa e Silva na forma da seguinte entrevista:



Desde já, desejo-lhe as maiores felicidades, sendo um grande prazer estar aqui consigo, neste local mágico, donde já saíram, certamente, por aquela porta, várias pessoas ainda mais fascinadas do que quando entraram.
 
Por isso, muito obrigada por ter aceite este meu convite, para deixar levantar um pouco o véu acerca do seu projeto, bem como acerca de alguns dos segredos em torno do chocolate, de forma a nunca fazer perder o seu verdadeiro lugar de destaque em qualquer mesa que se preze. 

Aliás, tal como diz no seu livro Chocolate – A Arte e os Segredos: “um bom chocolate pode ser uma grande paixão”!
1) Está sempre a comer chocolates?
 
Ana Sousa e Silva: Isso seria a minha desgraça. Não, eu raramente como chocolate. Sou apaixonada por trabalhar chocolate, não por comer. 
 
 
2) Por acaso já gostava de chocolates, quando ainda trabalhava no hospital de Lisboa?
 
Ana Sousa e Silva: Quando ainda trabalhava no hospital, apaixonei-me por decoração de bolos com pasta de açúcar. O chocolate apareceu uns anos mais tarde.
 
 
3) E está arrependida de alguma coisa?
 
Ana Sousa e Silva: De nada J


4) Mas afinal de contas, como é que tudo começou?
 

Ana Sousa e Silva: Começou tudo porque tenho 3 filhos e sempre lhes fiz os bolos de aniversário. Quando descobri a pasta de açúcar, foi paixão à primeira vista. Na altura tinha um blog onde colocava as receitas que fazia (no céu da boca) e depois começaram os bolos e criei um blog separado para publicar os bolos que ia fazendo (no céu dos bolos). As coisas começaram a crescer sem que eu desse conta.

 

5) E desde então, o seu percurso tem sido algo programado ou simplesmente deixou ir acontecendo?
 
Ana Sousa e Silva: Nada tem sido programado.


6) E ao ser também mãe de três filhos, como é que eles a têm apoiado neste projeto?
 
Ana Sousa e Silva: O meu marido e os meus 3 filhos foram a base de toda a minha mudança. Sem o apoio incondicional que eles me dão nunca tinha deixado de trabalhar no hospital.
 
 
7) Já agora, o facto de ser mulher, já a levou alguma vez a sentir-se discriminada, por exemplo?
 
Ana Sousa e Silva: Ao longo de toda a minha vida, não me lembro de me sentir descriminada por ser mulher.
 
 
8) Vamos agora imaginar que eu colocaria à sua frente uma bola de cristal: como é que a Ana se imagina daqui a alguns anos?
 

Ana Sousa e Silva: Não imagino. Como já lhe disse em cima, a minha vida vai correndo com a maré. O fantástico da vida é isso. A surpresa do caminho.

 

 

9) E como é que estamos atualmente em termos de especialistas na arte de trabalhar o chocolate em Portugal?
Ana Sousa e Silva: Temos alguns profissionais fantásticos.
 
10) Li algures que os portugueses são os que consomem menos chocolate na Europa: é verdade?
 
Ana Sousa e Silva: Será? Não faço ideia.
 
 
11) E por falar em história, qual será de facto a origem do chocolate e quais é que são os seus principais ingredientes e benefícios?
 
Ana Sousa e Silva: A história do chocolate está envolta em mistérios e segredos, mas o mais importante do chocolate é que ele tem o poder de deixar as pessoas felizes. Só isso já é muito importante.
 
 
12) Importava-se de dar a conhecer, aos caríssimos leitores deste blog, e porventura do seu livro, aquela receita com chocolate que, para si, é a mais especial?
 
Ana Sousa e Silva: O meu bolo de chocolate. Aquele que nunca pode faltar em mesas de festas.
 
BOLO DE CHOCOLATE

 
Ingredientes:
  • 250 g de açúcar
  • 6 ovos
  • 200 g de chocolate negro com pelo menos 50% de cacau
  • 200 g de manteiga
  • 100 g de farinha
  •  colher de chá de fermento em pó


Preparação:

  1. Bater os ovos com o açúcar durante cerca de 5 minutos.
  2. Derreter o chocolate e a manteiga.
  3. Juntar o chocolate e a manteiga derretida aos ovos batidos com o açúcar.
  4. Bater durante 30 segundos, ou até a mistura ficar homogénea.
  5. Juntar a farinha e o fermento em pó. Misturar bem.
  6. Forrar com papel o fundo de uma forma com 20 cm de diâmetro. Untar o papel vegetal. Não untar a parte lateral da forma, para que o bolo não abata no final da cozedura.
  7. Pré-aqueça o forno a 180 ºC e leve o bolo a cozer durante 45 a 50 minutos.

(receita presente no livro Chocolate – A Arte e os Segredos)
 
 
13) Para finalizar, se por acaso alguém quiser saber mais sobre si e/ou o seu espaço, que tipo de produtos e/ou de serviços é que disponibiliza neste momento?
 
Ana Sousa e Silva: Com cheiro a chocolate é uma sala de formação em Oeiras, direcionada para o ensino da decoração de bolos e pastelaria. Tem formações de um dia, acessíveis a quem está a começar e também para quem tem já alguma experiência.


 

Em conclusão, deixemo-nos apenas levar pela mais bela inspiração e cerremos as pálpebras, pois os cinco sentidos ficarão apuradíssimos e a postos de fazerem surgir, ainda que ingenuamente, algo sinónimo de perverso e antónimo de insatisfação ao mesmo tempo!

E estava eu, agradavelmente, tão bem sentada a conversar com a Ana, para, de repente, soltar um olhar de pasmo sobre as horas que, afinal, já tinham passado no relógio colocado à minha frente, muito embora, não fosse, de todo, o meu desejo mais premente… até ao próximo texto!

0
(Visited 8 times, 1 visits today)

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *