O 1.º DIA DO ANO DE 2018

Este foi o ano em que, por acaso, foi capaz de ir hoje à praia de manhã, com o objetivo cerrado de entrar na água gelada? 
Olhe que enrijece os ossos, dá saúde e purifica o espírito: e assim é a tradição do primeiro banho do ano para muitos portugueses em Carcavelos, Vila do Conde ilha do Faial!

Sabia que, durante os anos 50 e 60, a tradição em Lisboa, durante a passagem de ano, era atirar pratos e tachos velhos pela janela
Ou, seguindo-se a crença oriental de que a energia entra pelo corpo através dos pés, também não se deve dispensar passar a meia-noite com uma nota no sapato, no bolso ou na mão, por trazer prosperidade para o ano seguinte?

Mas também existe o costume de se subir para uma cadeira, com o pé direito, só porque dá sorte; em alternativa pode também pular-se três vezes com o pé direito à meia-noite ou dançar-se ao ar livre em torno de uma árvore!

Acredita-se ainda que brindar com champanhe traz vitalidade e saúde, e que para reforçar as boas energias se deve guardar a rolha da garrafa e só deitá-la fora no ano seguinte. 

Ah, e há quem comece o ano com roupa nova, não se devendo vestir roupas descosidas, rasgadas, apertadas ou sem botões; também há quem faça a cama com lençóis novos, pois atrai boa sorte e amor!

Agora propósito de um texto publicado ontem, pela revista Notícias Magazine, através do seu site, temos que, no que toca a tradições de Ano Novo noutras zonas do globo:

– Não há gente mais barulhenta que os dinamarqueses a festejar o ano novo: atiram-se pratos contra as portas dos vizinhos, depois de se reunir o máximo de loiça durante o ano e a quantidade de cacos à porta é equivalente ao número de amigos.

– No Equador ateia-se fogo a bonecos de papel que representem algo que marcou o ano, desde bonecos de banda desenhada a caricaturas de figuras públicas: pretende atrair-se boa sorte para o ano que se avizinha. 

– Em Espanha, são as 12 uvas que acompanham as 12 badaladas, representando os meses do ano.

– O Oshogatsu no Japão fica marcado pelas 108 vezes que tocam os gongos que visam afastar os 108 pecados do homem: uma crença nipónica antiga e de acordo com a fé budista as badaladas no réveillon favorecem a purificação. 

– Os peruanos são os mais agressivos: existe o festival de Takanakuy em que as pessoas que tenham problemas podem resolvê-los ao soco, já que a tradição é acertarem-se contas no último dia do ano. 

– Na Suíça, o fim do ano helvético é festejado a atirar gelados ao chão. 

– Os chilenos têm o hábito de limpar a casa toda antes da chegada do ano novo. Uma autêntica faxina para purificar o lar. Mas algumas comunidades deste país adotaram um ritual mais profundo. Em Talca, por exemplo, existem pessoas a dormir no cemitério para estarem próximas dos entes queridos já falecidos. 

– No sul de Itália, pelo fim do ano, é melhor afastar-se das janelas. Há quem atire os móveis velhos pelas janelas de forma a saudar o ano que está a bater à porta. Quantos mais móveis forem lançados mais felicidade e prosperidade entrará naquela casa. 

– Em Porto Rico, também deve ter cuidado por onde passa, não vá apanhar uma molha de meia-noite. Este povo despeja baldes de água para as ruas para libertar os maus espíritos.

– Na Escócia, é conhecido por first-foot. Depois da meia noite a tradição do povo da Bretanha dita que um homem alto, bem parecido e moreno deve ser o primeiro a entrar em casa. A superstição, como seria de esperar, procura a boa sorte. São alguns os requisitos imprescindíveis para que nada seja violado. O visitante deve levar um pedaço de carvão, um bolo de fruta escocês, sal e meia garrafa de uísque. Estas ofertas representam calor, comida, riqueza e bom ânimo. 

O 1.º SORTEIO DO BLOGUE COZINHA COM ROSTO

 

Como forma de vos dar as boas vindas ao primeiro dia do ano de 2018 aqui no meu Blogue Cozinha Com Rosto, é com enorme prazer que anuncio o primeiro sorteio de aniversário, pois tenho para uma prenda muito especial para vos oferecer no próximo dia 6 de janeiro, representando todo um ano de vida associada a este meu projeto, envolvendo muito trabalho, muita dedicação, muitas pessoas, muita formação, mas também muita satisfação e muita gratificação!

E para se habilitarem então a ganhar o calendário exposto na fotografia acima, basta terem em atenção as seguintes regras:

1) Ser residente ou ter uma morada em Portugal Continental, para o envio do prémio;

2) O sorteio tem início a 1 janeiro de 2018 e termina a 5 de janeiro de 2018;

3) Ser seguidor do Blogue (http://paginacapturaemail.blogspot.pt/)

4) Gostar da página do Facebook (https://www.facebook.com/CozinhaComRosto/)

5) Subscrever o Canal do YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCZ7z6Bhb3FEByQ-cSCuvEvQ)

6) Fazer o seu comentário, diretamente a partir deste artigo do Blogue, escrevendo uma frase inspiradora sobre o Blogue Cozinha Com Rosto

7) Partilhar de forma pública este sorteio no Facebook 

8) A melhor frase ganhará um calendário de 2018, no formato A4, impresso a cores e plastificado

9) O vencedor correspondente será contactado por email, ou através de mensagem privada no Facebook, para fornecer os seus dados pessoais, tendo 48 horas para o fazer, caso contrário será nomeado outro vencedor

10) O prémio será enviado pelo correiomediante os dados de identificação fornecidos

Boa Sorte a todos!

 


0
(Visited 3 times, 1 visits today)

1 Comment

  1. Mónica Rebelo 5 Janeiro 2018 at 00:31

    Muito obrigada pelo seu comentário e pelo seu interesse por participar, cara seguidora 🙂
    Agora vamos ver se consegue ganhar a oferta 😉
    Muitas felicidades,
    Um Feliz Ano Novo para si e para os seus,
    e disponha sempre porque…
    nós somos o que comemos!

    Reply

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *